sábado, 19 de janeiro de 2019

Reconhecimento.


Quem usou as redes sociais recentemente para reconhecer o trabalho que vem sendo realizado pelo Prefeito de Coelho Neto, Américo de Sousa, foi o Sr. Paulo Verdan, da SENOP (Segurança Particular).

Verdan agradeceu pelo trabalho de melhoria realizado na estrada vicinal que liga a sede do município aos povoados Vila de Fátima, Tigre, Taboca e Lagoa dos Cavalos.

Vale ressaltar que a população tem o direito de reivindicar e até mesmo de tecer críticas que considere necessárias, mas o ato de elogiar uma boa ação do governo não tornar menor quem o faz.

Valeu, Paulo!




domingo, 13 de janeiro de 2019

Prefeito presente e trabalhador.



Considerando a situação na qual recebeu o município em 2017(salários e terço de férias atrasados, dívidas com fornecedores, órgãos municipais com energia cortada por falta de pagamento, CAPS fechados, 4 meses sem coleta de lixo, escolas e demais prédios públicos municipais deteriorados) e o trabalho já realizado em dois anos de mandato, Américo tem feito uma boa gestão.

As imagens falam por si e quem mora em Coelho Neto sabe disso.(Clique nas imagens para melhor visualização)
No governo de Américo, a Prefeitura de Coelho Neto passou a ter Site e Portal da Transparência. Agora, qualquer cidadão com acesso à internet pode acompanhar os atos administrativos do governo municipal.(clique aqui e confira)


Essa é apenas uma pequena amostra das ações realizadas pela gestão do Prefeito Américo de Sousa. Umas com recursos próprios, outras em parceria com o Governo do Estado. 

Não podemos esquecer que, para que tudo isso acontecessem foi necessário realizar a organização administrativa do município, que se encontrava jogado às moscas, literalmente.

Vale ressaltar, sobretudo para quem não mora em Coelho Neto nem conhece a realidade local, que Américo é um dos poucos gestores da região que mantém o pagamento do funcionalismo municipal rigorosamente em dia, sem deixar de lado a realização de investimentos importantes para a população. 

Evidentemente que ainda há muito a ser feito, o próprio prefeito reconhece isso, mas pouco a pouco vamos construindo a cidade que queremos.

sexta-feira, 11 de janeiro de 2019

Coelho Neto: Ano letivo 2019.

A Prefeitura de Coelho Neto através da Secretaria de Educação abrirá nesta segunda-feira (14) novas vagas nas escolas da rede municipal de ensino para o ano letivo de 2019. Os alunos veteranos já renovaram suas matrículas em dezembro e agora a Secretaria Municipal de Educação (Semec) iniciará o período de matrículas novas, que vai até o dia 25 de janeiro.
As matrículas podem ser realizadas pelos pais ou responsáveis nas secretarias das escolas em horário normal de funcionamento: pela manhã, das 08h às 11h, e à tarde, das 14h às 17h, para as turmas de Atendimento às crianças de 2 e 3 anos, Educação Infantil, Ensino Fundamental I e II(1º ao 9º ano) e Educação de Jovens e Adultos (EJA).

quarta-feira, 9 de janeiro de 2019

Enquanto os desmamados tentam criar um cenário de caos no município, Américo segue trabalhando pela população.



Tem sido grande o esforço de alguns que se dizem oposição em Coelho Neto para tentar passar para a população um cenário de caos no município.

O motivo, evidentemente, são as eleições de 2020. está longe, é verdade, mas a saudade do tempo das lagartas fala mais alto para algumas pessoas. Felizmente, a gorda remuneração que alguns recebiam, sem dar um prego numa barra de sabão, ficou só na lembrança. Américo acabou com a farra das lagartas.

Sabendo que a única forma de voltar a mamar nas tetas da Prefeitura é derrotando o prefeito atual, em 2020, tem gente quase endoidando, tentando a todo custo desgastar a imagem do governo.

A resposta da gestão para esses desesperados tem sido trabalho pela população. A exemplo das melhorias nas estradas vicinais, da implantação dos sistemas de abastecimento de água nos Povoados Gaspar, Criminosa e Marinheiro, da distribuição de sementes de milho aos agricultores, entre outras ações.
Moradora da zona rural feliz da vida com água encanada em casa.

Todo mundo sabe que não adianta a gestão municipal perder tempo dando respostas para quem só quer tumultuar. Neste ponto tem agido muito bem o governo.

Enquanto eles tagarelam nas esquinas e nas redes sociais, o Prefeito Américo busca solução para os principais problemas enfrentados pelo povo do município.

Como deve ser.

sábado, 5 de janeiro de 2019

Crônica da vida real: A Galinha e o trânsito



Talvez já tenha me referido a parte deste episódio em outa ocasião. Foi lá pelos idos de 1954 quando Duque Bacelar foi assassinado e nós, os filhos em idade escolar, transferidos para o Rio de Janeiro, em busca de melhores escolas, como previsto em seus sonhos. Todos de luto fechado, roupa totalmente preta, padrão dos costumes no Nordeste de então. Não existia a definição “bulling” mas, tal indumentária parecia estranha e chocava os cariocas, fomos alvo de muita gozação e apelidos jocosos. Nada nos atingia ou intimidava, fomos para estudar e o fizemos corajosamente.

Com muita antecedência Duque fizera um seguro de vida destinado à aquisição de imóvel e garantir a educação dos filhos menores nos melhores centros de ensino do país. Nos instalamos em pequeno, mas confortável apartamento no bairro das laranjeiras na capital da República. Capitaneados por Lys e José éramos, inicialmente sete: Lys, Jose, Luis, Bernardo, Magno, Flori e Afonso número posteriormente aumentado com a chegado do sobrinho Artaxerxes.

Matriculados nos melhores colégios, tivemos que nos superar a cada dia para acompanhar o nível das aulas. Professor e línguas entrava e saia da sala falando o idioma da matéria (inglês, francês ou espanhol). De tanto medo o sangue não circulava, era o tempo todo de mãos geladas, coração disparado rezando para não ser chamado. Certa vez o professor de inglês falou alto e claro para que todos ouvissem: “Magno não precisa rezar, procura acompanhar a aula, prometo não te arguir hoje”.

Com dinheiro sempre curto muitas vezes faltava o do transporte, era quando fazíamos longas caminhadas a pé para chegar à escola. Certa feita o meu sapato rasgou, o caixa estava baixo, o resultado é que passei uns dias dividindo o mesmo par com o Bernardo. (os dois com o pé doente só que, coincidentemente, trocados).

José comprou uma moto para se deslocar entre casa trabalho e à ENA (Escola Nacional de Agronomia) situada no KM 47 da estrada Rio-São Paulo, percurso que fazia diariamente para dar conta do trabalho e do estudo. O “veículo” transportava, ainda, alimentos e material de limpeza adquiridos no mercado popular subsidiado pelo Governo, nas proximidades do aeroporto Santos Dumont.

Para a missão eram destacados dois José (motoqueiro) e uma das mulheres, munidos de um saco tipo estopa, onde era depositada a mercadoria, e muito barbante para fixa-lo à moto. Coisas mais frágeis eram levadas nas mãos do ajudante garupa. Um belo dia o dinheiro “sobrou” para comprar uma galinha viva que os feirantes enrolavam em jornal embalagem que a mantinha imóvel. Ocorre que o vento abriu o papel e a galinha saltou da moto, isto em plena avenida que ligava Cinelândia - Zona Sul - Aeroporto. Gerou-se uma cena hilariante e indescritível pois os carrões importados freavam bruscamente “cantando os pneus”, a pobre Flori (ainda menina) correndo atrás do almoço, mais preocupada com o possível prejuízo do que com a própria vida.

Valeram muito todos os sacrifícios e provações que nos ensinaram, como previa Duque, a ser gente. Fomos muito felizes, nos tornamos mais fraternos e humildes, vivemos em busca de honrar os sacrifícios e a memória dos nossos pais e conterrâneos.

Doces lembranças, muito a agradecer, inclusive o milagre que, não só salvou a Flori e. ainda, permitiu que uma galinha controlasse o trânsito no Rio de Janeiro.

(Dr. Magno Bacelar)

sexta-feira, 4 de janeiro de 2019

Rapidinha da noite.


Rapaz, a última Rapidinha do Blog rendeu, viu!

Foi um alvoroço só num povo acolá. Não faltou quem vestisse a carapuça e quem não vestiu saiu pedindo processo para este blogueiro. Besteira! Em nenhum momento citamos o nome do ladrão e ninguém tem culpa se alguém vestiu a carapuça, né?!

Ah, e nem adianta gente desconhecida ficar mandando mensagem para o celular deste blogueiro. Aqui ninguém se amedronta com mi mi.


quinta-feira, 3 de janeiro de 2019

Rapidinha do dia.



Rapaz, o diabo é moleque!

O sujeito sai de uma empresa como ladrão e ainda acha que tem moral para criticar o governo.

sexta-feira, 28 de dezembro de 2018

Enquanto a oposição passa vergonha, Américo segue trabalhando pela população.


Quem conhece Américo de Sousa sabe que sua trajetória política foi forjada na  adversidade e na luta social, motivo pelo qual ele não se abala com dificuldades nem com mexericos de adversários desesperados.

Ignorando os factoides e o sensacionalismo barato promovidos por uma ala desesperada da oposição coelhonetense, o Prefeito Américo segue trabalhando em favor da população.

Ontem (27) ele esteve vistoriando mais uma etapa dos serviços de melhorias das estradas vicinais do município e hoje (28), pela manhã, foi ao Povoado Santo Inácio onde realizou a entrega de sementes de milho para agricultores daquele povoado e localidades circunvizinhas.

À população importa o trabalho e as melhorias e isso o Prefeito tem feito, apesar das dificuldades enfrentadas.

quinta-feira, 27 de dezembro de 2018

Oposição burra.



Certa vez, alguém fez uma oportuna e verdadeira observação, se referindo à política local: “Dificilmente Coelho Neto terá uma oposição qualificada e responsável como a que foi liderada pelo Américo de Sousa”. A pessoa disse isso ao observar os primeiros tropeços, baixo nível e falta de consistência nas questões levantadas por aqueles que se dizem oposição ao governo municipal atual.

A falta de conhecimento é tão gritante que nesta semana teve blogueiro passando vergonha no famoso caso EIRELI, um formato empresarial, mas que na ânsia de levantar suspeitas de irregularidades na gestão atual a figura acabou ficando com a cara murcha, quando descobriu se tratar de uma modalidade empresarial e não de uma empresa específica, como pensou.

Tudo esse constrangimento teria sido evitado perguntando a quem sabe ou com uma simples busca no Google.

Ah, mais o Américo falava na rádio! Sim, falava. Falava e denunciava muitas irregularidades. Denúncias baseadas em documentos e provas concretas, diga-se de passagem. Prova disso é que ele nunca foi condenado na Justiça por falsa acusação.

Sem qualquer traquejo para o embate democrático, a maioria dos novos oposicionistas é guiada mais pelo ódio e rancor, decorrentes da perda de privilégios na Prefeitura com o fim do governo anterior, que por argumentos sólidos e fatos concretos.

Mexerico, mentiras e as fracassadas tentativas de fazer humor (de péssimo gosto) usando os problemas que o município enfrenta para falar mal do governo tem sido a estratégia usada por alguns daqueles que se dizem oposição atualmente.

Lançam mão de documentos públicos, aos quais qualquer cidadão pode ter acesso via Portal da Transparência, para fazer sensacionalismo barato, criar factoide e denúncias vazias.

E ainda cobram respostas do governo e dizem que vão acionar o Ministério Público. Ver se pode um negócio desse!

Insistir nessa forma burra de fazer oposição é chamar o povo é besta.

segunda-feira, 24 de dezembro de 2018

Agilidade: Prefeito Américo iniciará distribuição de sementes no próximo dia 28.


Dando sequência à política de apoio aos agricultores familiares de Coelho Neto, o Prefeito Américo, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca, dará início à entrega de sementes (milho) no próximo dia 28 de dezembro.

O evento acontecerá no Povoado Santo Inácio e beneficiará agricultores das localidades Curupati, Espírito Santo, Mulatas, Guabiraba, Poço das Matas, Sentada, Unha de Gato e do próprio Santo Inácio, evidentemente. Mais de 100 famílias de agricultores serão beneficiadas nesta primeira entrega.

O fornecimento de sementes é fruto de parceria do Governo do Estado com a Prefeitura de Coelho Neto.

A Agricultura Familiar de Coelho Neto vem ganhando destaque na região, graças às ações desenvolvidas pelo Prefeito Américo, no sentido de garantir aos produtores as condições necessárias para o desenvolvimento de suas atividades.  

Atualmente vários produtores vendem seus produtos para o governo, uma fonte segura de trabalho e geração de renda para essas famílias. Realidade iniciada na gestão do Prefeito Américo.

domingo, 23 de dezembro de 2018

Agricultura que funciona.

Cerca de 100 hectares de áreas de produção  foram gradeadas em 2018.

Agricultura familiar tem sido uma das vitrines da gestão do Prefeito Américo de Sousa. Desde que assumiu o governo do município de Coelho Neto ele tem desenvolvido diversas ações no sentido de dar aos agricultores familiares as condições necessárias para o cultivo e produção. 
Povoado Brejinho.
Américo tirou o setor da inércia e hoje temos uma agricultura que realmente funciona, com a Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca garantindo as ferramentas necessárias para que o agricultor familiar possa desenvolver suas atividades.
Foi-se o tempo em que a Secretaria de Agricultura do município se resumia a um mero tabuleiro de dama.

sexta-feira, 21 de dezembro de 2018

Prefeito Américo de Sousa decreta recesso funcional nos órgãos da Administração Pública Direta e Autarquias do Poder Executivo.

fff


DECRETO Nº 262/2018
DISPÕE SOBRE O RECESSO FUNCIONAL NOS ORGÃOS DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA DIRETA, E AUTARQUIAS DO PODER EXECUTIVO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.
AMÉRICO DE SOUSA DOS SANTOS, PREFEITO MUNICIPAL DE COELHO NETO, Estado do Maranhão, no uso de suas atribuições legais com fulcro no Art. 81, inciso IV, da Lei Orgânica do Município,
CONSIDERANDO as festividades natalinas e de final de ano;
CONSIDERANDO o princípio da economicidade no serviço público, mais especificamente no que se refere a energia elétrica, água, transporte, serviço de telefonia, material de consumo, entre outros;
CONSIDERANDO a necessidade de manutenção dos serviços públicos considerados de natureza essencial;
CONSIDERANDO que os órgãos da Administração Municipal, necessita organizar, preparar e realizar, relatórios, balanço e fechamento das contas públicas do exercício financeiro de 2018.
DECRETA: Art. 1º - Os servidores civis da Administração direta, autarquias do poder executivo terão recesso funcional alusivo às comemorações das festas de final do ano (Natal e Ano Novo) compreendendo respectivamente, os períodos de 24 de dezembro de 2018 à 28 de dezembro de 2018 e 31 de dezembro de 2018 à 04 de janeiro de 2019;
Art. 2º - Nesse período deverão funcionar os órgãos cujas atividades não possam sofrer solução de continuidade e que desempenham serviços essenciais à população nas áreas de saúde, iluminação pública, coleta de lixo, limpeza pública, atendimento ao público e os serviços administrativos internos que forem considerados necessários, a fim de assegurar o bom e regular continuidade dos serviços do âmbito administrativo de cada órgão e entidade.
§1º - Os servidores terão que se organizar nesse período, por escala de revezamento ou por plantão, de modo que os serviços essenciais de atendimento ao público não sejam prejudicados.
§2º - Tendo sido escalado para o serviço público poderá ser instaurado procedimento administrativo aos servidores que não comparecerem ao serviço, em razão de falta disciplinar, de acordo com as normas estatutárias.
Art. 3º - Fica delegado competência as autoridades máximas dos órgãos e entidades da administração pública municipal para convocar servidores e estabelecer, a organização de escala e plantões.
Art. 4º - As férias solicitadas durante o período de recesso administrativo serão validadas como férias e/ou licenças prêmios, bem como as férias e/ou licença prêmios requeridos antes ou imediatamente após esse período serão deferidas conforme o interesse da administração.
Art. 5º - Caberá às autoridades máximas de cada órgão e entidade fiscalizar o cumprimento das disposições deste decreto.
Art. 6º - Este Decreto entra em vigor na data da sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE COELHO NETO, ESTADO DO MARANHÃO, EM 19 DE DEZEMBRO DE 2018.
Américo de Sousa dos Santos
Prefeito Municipal

Coelho Neto: Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos encerra atividades de 2018 com festividade natalina.

Dando continuidade às atividades de final de ano, a Secretaria Municipal de Assistência Social, com o apoio da Prefeitura de Coelho Neto, realizou nesta quarta-feira, 19/12, uma belíssima festa de Natal, promovendo a confraternização entre os assistidos do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos - SCFV. O evento aconteceu no Teatro Municipal e contou com a presença dos profissionais da rede socioassistencial, crianças, adolescentes e familiares das duas unidades do Centro de Referência da Assistência Social do município de Coelho Neto . 
Com belíssimas apresentações, as crianças mostraram um pouco do verdadeiro significado do Natal, através de coreografias, danças e muita alegria. A programação contou com a participação do palhaço pipoca. 
"Com o apoio do Prefeito Américo de Sousa, ao longo do ano realizamos uma série de ações para fortalecer as relações familiares e comunitárias, além de promovermos a integração e a troca de experiências entre os participantes, valorizando assim o sentido de vida coletiva. Agradeço toda nossa equipe pela dedicação do trabalho ao longo deste ano e pela realização desta linda festa de confraternização para as nossas crianças e familiares", destacou a Secretária.
Além da presença da Secretária Ravanne Bastos, a primeira-dama Iranete Sousa também prestigiou o evento. 
Fonte:http://www.coelhoneto.ma.gov.br/